Prefeitura de Maringá – Obras do Novo Terminal Urbano

O prefeito Ulisses Maia, o vice-prefeito Edson Scabora e o secretário de Obras Públicas, Marcos Zucoloto, visitaram nesta segunda, 26, as obras do novo Terminal Intermodal. A previsão é que a obra seja entregue até setembro de 2019. Nesta semana será assinada a ordem de serviço para a construção da estrutura metálica. Todas as fundações com aproximadamente 13 metros para receber a estrutura estão prontas.
“Estamos em um período difícil com a população sofrendo no terminal na praça Raposo Tavares. Graças ao empenho de nossa equipe as obras estão dentro do cronograma e poderão inclusive serem concluídas antes do prazo. A estimativa é que em aproximadamente 60 dias seja iniciada a instalação da estrutura metálica”, destacou o prefeito.
O engenheiro da empresa responsável por uma das etapas da obra, José Carlos Horita, ressalta que as obras nesta primeira etapa são concentradas no subsolo. “A comunidade não vê o que está sendo feito pois as intervenções acontecem no subsolo preparando o recebimento das estruturas metálicas”, salientou.
Além das fundações, foram construídas as estruturas dos dois edifícios: um destinado à comercialização de passagens, sanitários públicos e outro à central de videomonitoramento para controle de frotas e outros serviços. Prossegue ainda a construção de um dos três acessos do mezanino – espaço de 4 mil metros quadrados que terá lojas, praça de alimentação e setores administrativos, interligando a área norte e sul do terminal, transpondo, com 7,5 metros de altura as avenidas Tamandaré e Horácio Raccanello Filho.
Intensificada também as ações na estação ferroviária norte, projetada para receber futuramente o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) que contará com escada rolante, elevadores e saguão de embarque e desembarque. Na estação, onde foram escavados aproximadamente 8 metros e executadas contenções e fundações, é preparada a lage para em seguida ser erguida a estrutura metálica. Já na estação ferroviária sul o avanço das obras aguardam a realocação da rede de alta-tensão subterrânea da Copel.
O novo terminal urbano integra as obras do Programa de Mobilidade Urbana que prevê também a implantação do corredor de ônibus que ligam as zonas norte e sul do município. Compõem também o novo sistema a implantação de corredores nas avenidas Kakogawa e Morangueira (com oito pontos de embarque e desembarque) e dos terminais de integração construídos na praça Ouro Preto (Avenida Morangueira) e nas praças Emílio Farjado Espejo e Megumu Tanaka (Avenida Kakogawa).
VIA PMM
fator37

Post Relacionado
Deixe um Comentário