Comitê debate ações de combate a dengue no município de Maringá

Comitê debate ações de combate a dengue no município de Maringá
O Comitê de Mobilização da Dengue da Secretaria Municipal de Saúde realizou nesta segunda, 9, reunião para apresentar ações e atividades promovidas em parceria com secretarias e instituições no combate da dengue. Em Maringá, de janeiro até a última sexta, 6, das 799 notificações de casos de dengue, 11 foram confirmadas.
O secretário de Meio Ambiente e Bem-Estar Animal, Ederlei Alckamim, falou sobre os trabalhos da equipe. “No mês passado, a Sema intensificou diversos trabalhos durante a Semana do Meio Ambiente, entre eles a coleta de sucatas e lixos eletrônicos, fiscalização de fundos de vale, coleta de lâmpadas flourescentes, entre outros. Tudo para contribuir na redução de criadouros do mosquito”, ressaltou.
A gerente do controle de Zoonoses, Janete Fonzar, destacou a importância do comitê itinerante da dengue. “É necessário conhecermos os trabalhos de outras secretarias, pois todas atividades colaboram na redução do índice de infestação. Agora, nossa ideia é propor novas sugestões de conscientização para melhorarmos o trabalho de vigilância”, disse.
Diversas ações relacionados à prevenção da dengue também foram apresentadas, como: mutirões do Bota-Fora, realizado pela Secretaria de Serviços Públicos (Semusp), ações educativas promovidas na rede de ensino da Secretaria Municipal de Educação (Seduc), resultados do Lira (Levantamento de Índice Rápido para Aedes Aegypti) e o número de notificações de dengue recebidas até o momento na região.
INFESTAÇÃO
O último Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes Aegypti (Lira), divulgado no dia 7 de maio de 2018, apresentou o Índice Geral de Infestação Predial do Município de Maringá (IIP) de 1,1% (período de pesquisa de 23 a 28 de abril). O 1º índice deste ano foi de 3,6% (de 29 de janeiro a 2 de fevereiro). Segundo dados da Secretaria de Saúde, os principais criadouros do mosquito são lixos intradomiciliares (primeiro lugar), vasos de plantas (segundo lugar), barris e tinas (terceiro lugar).
fator37

Post Relacionado
Deixe um Comentário